sexta-feira, 20 de março de 2009

Bons sonhos... para o fim de semana!...



Certa vez o mestre taoista Chuang Tzu sonhou que era uma borboleta, voando alegremente aqui e ali. No sonho ele não tinha mais a mínima consciência de sua individualidade como pessoa. Ele era realmente uma borboleta. Repentinamente, ele acordou e descobriu-se deitado ali, uma pessoa novamente. Mas então ele pensou para si mesmo:
"Fui antes um homem que sonhava ser uma borboleta, ou sou agora uma borboleta que sonha ser um homem?"

2 comentários:

São disse...

Que afinal somos nós?
Um abraço.

BatRitinha disse...

Talvez porque sonhamos ganhar asas e voar despreocupadamente, como uma borboleta que goza toda a sua vida num só dia.